Na tarde da última quinta-feira (19), a Prefeitura de Eirunepé, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, convocou representantes de várias instituições civis e militares para uma reunião de criação do Comitê Gestor para enfrentamento do Covid-19, o Coronavirus, a reunião aconteceu na sede da Semsa

A reunião contou com a participação de várias instituições públicas, dentre elas as secretarias Municipais de Saúde, Comunicação, Administração, Educação, Esporte, Ação Social, também da Capitania dos Portos, Casai, Funai, Dsei, Seduc Eirunepé e demais convidados.

O objetivo do encontro foi esclarecer dúvidas, apresentar o Plano Municipal de Contingência para o Covid-19, que define ações preventivas e possíveis tratamentos realizados em caso de infectados, além de conscientizar sobre a doença.

Foram apresentadas várias demandas e questões, como a nota técnica da Susam, criação do Comitê Gestor, suspensão de visitas na sede da Casai e hospital regional Vinicius Conrado, suspensão de atividades nas aldeias pela Funai, parceria com a capitania dos portos e aeroporto no controle passageiros via aéreo e fluvial, suspensão de eventos coletivos pelo Cras, recomendações de controle sanitário em todas as entidades envolvidas e a criação de uma UBS de referência juntamente com boletim epidemiológico diário.

Ainda que o município de Eirunepé ainda não tenha registrado nenhum caso do COVID-19, existe uma grande preocupação do Prefeito de Eirunepé, Raylan Barroso de Alencar, e das autoridades, em executar o plano de contingência com o intuído de evitar a propagação da doença, se por ventura, houver algum caso confirmado. Nesse primeiro momento a recomendação da SEMSA, é que a população adote medidas preventivas.

Quais Medidas?

Uso da rádio comunitária com equipe multidisciplinar de saúde esclarecendo as mediadas a serem adotadas tais como barreiras sanitária, suspensão do calendário escolar por 15 dias, suspensão de eventos esportivos, convocação de líderes religiosos para alinhamento com as medidas preventivas e outros serão convocados pelo Comitê Gestor Municipal.

Medidas já adotadas pela Secretaria Municipal de Saúde, como cancelado férias e folgas dos profissionais de saúde, os profissionais idosos e portadores de doenças crônicas serão dispensados para colaborar se possível de suas residências, foi montado equipes de saúde para fazer trabalharem de forma rígida com triagens no aeroporto e porto.

Já foram proibidas as visitas no hospital regional, estão cancelados capacitações, palestras, grupões e qualquer atividade coletiva da saúde, também já cancelados atendimentos odontológico eletivo.